PALESTRANTES CONVIDADOS PARA O CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM NEUROPSICOLOGIA CLÍNICA

André Farias Pessoa – possui graduação em Fonoaudiologia pela Universidade Católica de Pernambuco (1992) , mestrado em Mestrado em ciências da linguagem pela Universidade de Paris V René Descartes (1997) e doutorado em Doutorado em ciências da Linguagem pela Université de Paris 8 Vincennes Saint Denis (2004) . Atualmente é Professor adjunto do Centro Universitário planalto do Distrito Federal, Fonoaudiólogo clínico da Hospital Universitário de Brasília – UnB e Fonoaudiólogo clínico do Instituto de Fonoaudiologia avançada. Tem experiência na área de Fonoaudiologia , com ênfase em Atuação no ronco e na apnéia obstrutiva do sono. Atuando principalmente nos seguintes temas: Autismo, Terapia fonoaudiológica, Semiologia, Não-verbal.

Carlos Alberto Bezerra Tomaz – possui graduação em Psicologia pela Universidade Federal do Pará (1977), mestrado em Psicologia (Psicologia Experimental) pela Universidade de São Paulo (1981), doutorado em Psicologia Fisiológica e Comparada – Universitat Dusseldorf (1986) e livre-docência pela Universidade de São Paulo (1988). Foi professor titular da Universidade de São Paulo (Campus de Ribeirão Preto) e atualmente é professor titular da Universidade de Brasília. Tem experiência na área de Neuropsicofarmacologia e Neuropsicologia, atuando principalmente nos seguintes temas: memória, ansiedade, depressão, desenvolvimento de testes em primatas.

Daniel Corrêa Mograbi – Psicólogo formado pela UFRJ, PhD em Psicologia e Neurociências pelo Institute of Psychiatry, King’s College London, tenho como principal tema de pesquisa o estudo em uma abordagem neurocientífica da consciência e memória. Na interseção destes temas, tenho interesse em processos de memória inconsciente (implícita) e a neurobiologia do self. Pretendo trabalhar lecionando e investigando estes temas em populações normais e clínicas, explorando também paradigmas teóricos influenciados por conectividade neuroanatômica e teoria evolutiva.

Danilo Assis Pereira – doutorando em Neurociências pela Universidade de Brasília (UnB). Possui graduação em Psicologia pela UnB (2001) e mestrado em Processos Psicológicos Básicos pela UnB (2003) na área de Psicoacústica. Foi professor de Psicologia durante seis anos  no curso de graduação do UniCEUB – Centro Universitário de Brasília, onde foi editor-chefe da Revista Universitas da Faculdade de Ciências da Saúde por três anos. Foi professor de Psicologia na UNIP-DF, Universidade Paulista. É líder de pesquisa no CNPq em Neuropsicologia e Processos de Hipnose. Tem experiência na área de Psicologia, com ênfase em Psicofísica, Neuropsicologia, Neurociência e Processos Cognitivos. É membro da International Neuropsychology Society, da Sociedade Brasileira de Neuropsicologia, da Federação Brasileira de Terapia Cognitiva. Idealizou o IBNeuro em 2007 e é seu atual presidente. Ainda, atua como professor nos cursos de pós-graduação do IBNeuro e outros pelo país.

Gilberto Nunes Filho – Psicólogo formado na Universidade de Brasília (1999) e especialista em Neuropsicologia Clínica. Tem experiência na área de Psicologia, com ênfase em Psicometria e Neuropsicologia, nos seguintes temas: desenvolvimento cognitivo, paralisia cerebral, avaliação e reabilitação neurológica, testes neuropsicológicos, ressonância magnética funcional e o impacto da escrita e leitura no desenvolvimento cognitivo. Atualmente realiza mestrado na Universidade de Brasília (UnB) na área de Cognição e Neurociências do Comportamento. Foi autor e co-autor de diversos artigos internacionais, incluindo a Science.

Jesus Landeira Fernandes – Possui graduação em Psicologia pela PUC-Rio (1985), mestrado em Psicologia Experimental pela USP (1988) e doutorado em Neurociência Comportamental pela UCLA (1994). É professor da PUC-Rio e UNESA. Utiliza modelos animais para investigar circuitarias neurais envolvidas na origem dos transtornos de ansiedade. Tem interesse na validação de intrumentos capazes de quantificar diferentes características emocionais e cognitivas humanas. Recentemente está focado em aspectos neuropsicológicos do desenvolvimento infantil. Finalmente, faz pesquisa também na área de currículo e formação profissional do psicólogo.

João Carlos Alchieri – Professor adjunto da Universidade Federal do Rio Grande do Norte onde atua como orientador de mestrado no PPG Psicologia e mestrado e doutorado no PPG Ciências da Saúde. Sua área de interesse é Avaliação psicológica com ênfase em Instrumentos psicológicos, Ensino de avaliação psicológica, Avaliação de personalidade, Saúde e Informatização de medidas e instrumentos. Atualmente é coordenador do GT Avaliação de Programas na ANPPEP.

Joaquim Pereira Brasil Neto – Possui graduação em Medicina pela Universidade de Brasília (1982) e doutorado em Ciências Biológicas (Fisiologia) pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (1996). Atualmente é Pesquisador Colaborador Pleno da Universidade de Brasília. Foi Visiting Fellow no National Institute of Neurological Disorders and Stroke, em Bethesda, Maryland, E.U.A. Tem experiência na área de Medicina, com ênfase em Neurologia, atuando principalmente nos seguintes temas: estimulação magnética transcraniana, depressão, ilusões somestésicas e visão de cores.

Leandro Fernandes Malloy-Diniz – Psicólogo formado pela UFMG. Mestre em Psicologia e Doutor em Farmacologia Bioquímica e Molecular pela UFMG. Professor Adjunto do Departamento de Psicologia da Faculdade de Filosofia e Ciências Humanas da UFMG. É líder do grupo Laboratórios Integrados de Neuropsicologia (UFMG-USP-UFRJ-UFRBA). É orientador permanente nos seguintes programas de pós-graduação stricto sensu: Neurociências (UFMG) e Medicina Molecular (UFMG). Presidente da Sociedade Brasileira de Neuropsicologia no biênio 2012-2013.

Maria Clotilde Henrique Tavares – Possui graduação em Licenciatura Em Psicologia pela Universidade Federal da Paraíba (1989), mestrado em Psicologia pela Universidade de Brasília (1993) e doutorado em Psicologia (Neurociências e Comportamento) pela Universidade de São Paulo (2002). É professora Adjunta, nível IV do Departamento de Ciências Fisiológicas do Instituto de Biologia da Universidade de Brasília. Coordena o Centro de Primatologia da UnB desde 1995, criadouro científico de primatas da fauna brasileira credenciado pelo Ibama para fins de pesquisa. Como linhas de pesquisa investiga: 1) processos cognitivos e variações hormonais em primatas humanos e não-humanos, particularmente utilizando o macaco-prego (Cebus spp.) como modelo.; 2) a percepção visual ilusória em macacos-prego (Cebus spp) e em humanos normais ou portadores de dicromatopsias; e 3) aspectos psicossociais associados a usuários do sistema de saúde pública. Orienta em nível de mestrado e doutorado alunos ligados ao Programa de Pós-graduação em Biologia Animal do Instituto de Biologia ou ao Programa de Pós-graduação em Ciências da Saúde, da Faculdade de Ciências da Saúde, ambos da Universidade de Brasília.

Mônica Carolina Miranda – Possui graduação em Psicologia pela Universidade São Marcos (1995), mestrado em Psicobiologia pela Universidade Federal de São Paulo (2000) e doutorado em Psicobiologia pela Universidade Federal de São Paulo (2004). Atualmente é pesquisadora pela AFIP (Associação Fundo de Incentivo a Pesquis), Colaboradoda da Universidade Federal de São Paulo; Orientador do Programa de Pós Graduação em Saude e Educação da UNIFESP. Tem experiência na área de Psicologia, com ênfase em Neuropsicologia do Desenvolvimento, atuando principalmente nos seguintes temas: avaliação, funções cognitivas, memória, neuropsicologia e desenvolvimento neuropsicológico.

Sérgio Leme da Silva – possui graduação em Psicologia pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho – UNESP – Assis (1983), mestrado em Psicobiologia pela Universidade de São Paulo – USP – Ribeirão Preto (1989) e doutorado em Psicobiologia pela Escola Paulista de Medicina – Universidade Federal de São Paulo – UNIFESP (1999), e pós-doutorado pelo Centro de Ciencias da Saúde da Universidade Federal do Rio Grande do Norte – UFRN (2004). Atualmente é professor adjunto 2 da Universidade de Brasília, consultor científico da Universidad Industrial de Santander, e Coordenador do Serviço de Atendimento e Pesquisa em Neuropsicologia do Centro de Medicina do Idoso do Hospital Universitário de Brasília e orientador de pesquisa no convênio entre a UNB e a FUNPEB – Fundação Polo Ecológico de Brasília Jardim Zoológico de Brasília. Tem experiência na área de Psicologia, com ênfase em Neuropsicologia e Cognição, atuando principalmente nos seguintes temas: enriquecimento ambiental, modelo animal, memória, qualidade de vida, demências, avaliação e reabilitação neuropsicológica de pacientes portadores de neuropsicopatologias. Como atividade de extensão exerce a Coordenação do Projeto Rondon na UnB junto ao Decanato de Extensão e ao Ministério da Defesa.

Valdir Filgueiras Pessoa – Possui graduação em Medicina pela Universidade Federal de Pernambuco (1973), mestrado em Ciências Biológicas (Fisiologia) pela Universidade Federal de Pernambuco (1977) , doutorado em Neurociências pela Universidade de Londres(1983) e pós-doutorado pelo Centro de CiênciasVisuais da Universidade de Rochester, USA (1991). Atualmente é Professor Associado 1 da Universidade de Brasília. Tem experiência na área de Fisiologia, com ênfase em Neurofisiologia, atuando principalmente nos seguintes temas: organização retiniana, córtex visual, percepção de cores, ilusões visuais.

Vanderson Carvalho Neri – Médico graduado pela Faculdade de Medicina de Campos/RJ. Neurologista pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro-UNIRIO; Mestrando em Neurologia pela mesma universidade atuando na linha de pesquisa Neuroepidemiologia/Doenças Desmielinizantes. Médico Neurologista do Hospital Israelita Albert Sabin e Hospital Dr Badim. Responsável pelo Ambulatório de Doença de Parkinson do Centro de Referência de Alzheimer e Parkinson (CDAP). Integra o grupo do Centro de Doenças Desmielinizantes do Hospital da Lagoa. Exerceu atividades de Auxílio à Docência pela Disciplina de Anatomia e Fisologia Patológicas/Neuropatologia da Faculdade de Medicina de Campos e pelo Serviço de Anatomia Patológica e Citopatologia do Hospital Escola Álvaro Alvim, em Campos dos Goytacazes. Possui experiência nas áreas de Neurologia (Distúrbios do Movimento e Doenças Desmielinizantes), Clínica Médica e Anatomia Patológica/Neuropatologia.

Vítor Augusto Motta Moreira – possui graduação em Farmácia pela Universidade Federal de Alfenas (1987), especialiazação em famacologia de produtos naturais, pela Universidade Federal de Pernambuco, mestrado em Psicobiologia pela Universidade de São Paulo (1992), doutorado em Psicobiologia pela Universidade de São Paulo (1996) e pós-doutorado pela Universidade de São Paulo (2003). Atualmente é professor adjunto 4 da Universidade de Brasília. Tem experiência na área de Psicologia, com ênfase em Psicobiologia, atuando principalmente nos seguintes temas: Estudo de agonistas e antagonistas opióides na gênese e elaboração de comporamentos aversivos bem como seu papel reforçador negativo.